Há lapsos mais iguais do que outros

Jornal de Negócios

“A proposta foi enviada na véspera, ao final do dia e entregue em mão no conselho de ministros, e foi aditada na agenda do conselho de ministros. A nota que foi dada ao meu gabinete foi que era uma antecipação de medidas já previstas na directiva e que era importante antecipar”, contou Maria Luís Albuquerque aos deputados do inquérito parlamentar.

(…)

“Foi um lapso e perguntámos porque tinha ocorrido. A explicação que encontrámos é que, normalmente, o comunicado do conselho de ministros é preparado de véspera. Como o diploma entrou directamente para a agenda, houve um lapso”, comentou a ministra.

Curioso é que houve empresas que receberam o “comunicado” a tempo de retirar o dinheiro todo. Coisas.

Leave a Comment

Filed under "Liberais" a funcionar, Guerra de Classes, Negócios à Portuguesa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *